“Legião Urbana a tudo vence”. Este era o lema de uma das melhores bandas da história da música brasileira.
A frase que está presente em todos os discos da Legião Urbana (com exceção do ultimo CD da carreira, “A Tempestade”) é uma adaptação da frase do ditador romano Julio César, “Romana Legio Omnia Vincit”, que significa: “Legionários Romanos a tudo vencem”.
A banda Legião Urbana, um verdadeiro MITO da história da música nacional, era comandada pelo maior poeta do rock brasileiro, a messiânica e imortal criatura, Renato Russo.
Renato Manfredini Júnior, além de grande músico, foi um dos melhores letristas que o Brasil já teve. Suas magníficas letras iam de críticas políticas e sociais até as mais românticas, profundas e delicadas composições já feitas.
Amor, morte, dor, sofrimento, política e sociedade eram alguns dos assuntos colocados em questão nas letras de Renato Russo.
Ao analisar suas composições, descobre-se que cada detalhe é perfeito e significativo, nada está ali por acaso e tudo nasce de questões filosóficas, literárias ou até bíblicas, aliás, muitas de suas canções intertextualizam, por meio de paráfrases, paródias e citações, outros diversos MITOS da história.
Em sua música “Monte Castelo”, com citações do soneto número 11 de Luis Vaz de Camões (“Amor é fogo que arde sem se ver”) e do capítulo 13 de Coríntios (livro da bíblia), ele homenageia os “heróis” brasileiros mortos e feridos na batalha de Monte Castelo (no norte da Itália), que ocorreu no final da segunda guerra mundial e teve participação da Força Expedicionária Brasileira.
Tudo em suas canções não são do jeito que parecem ser e tem significados que não são compreendidos se a música for levada ao pé da letra. Para ouvir “Legião” é preciso ter uma sensibilidade muito grande, é preciso estar preparado.
Em sua composição Índios, além de demonstrar sua insegurança e desespero em relação ao futuro de nosso país, coloca em sutis palavras sua tentativa de suicídio ao cortar os pulsos, dias antes de compor a música: “Eu quis o perigo e até sangrei sozinho, entenda...”. Como ele mesmo definiu a própria canção: “Essa música não fala de Índios. Ela fala de “Índios”.
Outra canção de grande impacto da banda que vale a pena ser citada é: “Metal contra as nuvens”, que além de se referir curiosamente à santa inquisição como “O Sopro do Dragão”, faz analogias com fatos medievais que são vivenciados por ele mesmo nos dias de hoje, como ter suas músicas presas pelos direitos autorais no mandato do presidente Collor.
Entre tantas outras canções sensacionais; “Pais e Filhos”, que aborda, de forma impressionante, as diversas relações e conflitos que pode haver em uma família; a música “Faroeste Caboclo”, que contém 159 versos, nos quais nenhum se repete; a sensibilíssima “Vento no Litoral”, que trata da perda de um grande amor do cantor; a instigante “Há Tempos”, que é extremamente plurissignificativa, cada um a entende de um jeito, mas, o próprio cantor, em uma entrevista, diz estar se referindo o tempo todo à Ditadura Militar (1964 – 1984); a sensacional “Tempo Perdido”; a preferida de Renato Russo, “Giz”; Eduardo e Monica; e muitas outras que marcaram época, devem ser lembradas.
Questões curiosas como estas, são encontradas em praticamente todas as letras do eterno compositor, portanto, precisaríamos de um grande livro e não uma simples matéria para abordar todas elas.
A banda Legião Urbana é eterna e o Renato Russo... É um MITO.

“Nós estamos aqui no palco... mas a verdadeira Legião Urbana... são vocês!”
(Renato Russo)

Arthur Ordones

Categories:

19 Responses so far.

  1. Concordo plenamente: Renato Russo foi um Mito! Adoro o grupo, ele e suas canções. Magnífica matéria, com informações sobre as músicas que eu desconhecia. Sei que estou me tornando repetitiva...mas o que fazer? Parabéns novamente.

  2. Anônimo says:

    Matéria Perfeita

  3. Anônimo says:

    A foto que você usou não é nem do Renato... Triste.

  4. LIDIANE says:

    PENA QUE A FOTO NÃO É DO RENATO, MAS GOSTEI DA MATERIA

    LIDIANE CORECHA

  5. Anônimo says:

    Ótima matéria e concordo em tudo dito. Renato Russo virou mais que uma recordação, uma lenda.

  6. Só me respondi uma coisa: Se estamos falando de Renato Russo, por que tem outro filadaputa na foto no lugar dele? POSER DO CARAI

  7. Carvalho says:
    Este comentário foi removido pelo autor.
  8. Carvalho says:

    kakakK
    foda-se a matéria.
    No google tem foto do Renato Manfredini vai lá e procura.

  9. Ótima matéria. Parabéns.
    Urbana Legio omnia vincit

  10. Só não entendi o motivo dessa foto ter tanta importância. Belo texto.

  11. Mateus says:

    Ótima matéria. parabéns!

  12. dane-se a foto,como nas músicas da legião,o q vale é o conteúdo.

  13. mas que porra de foto é essa?

  14. Natan Ipi says:

    Por favor... Troque essa foto e coloque o Renato Russo original.

    Parabéns pela matéria.

  15. O LEGIAO URBANA VAI ACABAR COM A AGUA DO MAR UMA MENSAGEM QUE VEIO COM A CAPSULA DO TEMPO DE 1900 PARAR AQUI NA DECADA DE 2020

  16. KRAKER 01 says:

    J0G0 E CRIPT0GRAFIA IA I LEGIA0 URBANA ESTAM0S T0D0S DENTR0 DE UM GL0B0 DA M0RTE C0M AS M0T0S APR0VEITEM

  17. KRAKER 01 says:

    COM UMA MAQUINA DE GRAFITE DESCOBERTA POR CRIPTOANALISE
    O LEGIAO URBANA PODE ACABAR COM A AGUA DO MAR
    PEGUE UMA CAIXA DE 20X30 CENTIMETROS CORTE UM PAPEL EM FORMATO DE P COLOQUE A CABECA DO P SOBRE A CAIXA,A PONTA DO PE DO P AFASTE DA SUPERFICIE DA CAIXA COLANDOA NA PONTA DA PALETA PARA ISOLAR DA VELOCIDADE DO SOM. ENTAO PARA FUNCIONAR CADA RISCO QUE FOR FEITO NA CABECA DO P OU PESO QUE DEIXAR SOBRE A TINTA IRAR DOBRAR EM MENOS DE UM SEGUNDO.
    ESSA TECNOLOGIA PODE SER USADA EM ROUPA
    O NOME MAQUINA DE GRAFITE PORQUE O GRAFITE SE CONCENTRA MAIS ENERGIA ENQUANTO A TINTA DA CANETA E LIQUIDA E SE ESPALHA.
    E UMA MAQUINA DO TEMPO VOCE CONTROLA O TEMPO PORQUE O TEMPO NO RELOGIO NAO VAI PASSAR PARA QUEM ESTIVER PERTO DA MAQUINA DE GRAFITE.

  18. KRAKER 01 says:

    GRAPHITE MACHINE
    E UMA MAQUINA DE GRAFITE DESCOBERTA POR CRIPTOANALISE O LEGIAO URBANA PODE ACABAR COM A AGUA DO MAR PEGUE UMA CAIXA DE 12,5X5 CM CORTE UM PAPEL EM FORMATO DE P COLOQUE A CABECA DO P SOBRE A CAIXA,A PONTA DO PE DO P AFASTE DA SUPERFICIE DA CAIXA COLANDOA NA PONTA DA PALETA PARA ISOLAR DA VELOCIDADE DO SOM.
    ENTAO PARA FUNCIONAR CADA RISCO QUE FOR FEITO NA CABECA DO P OU PESO QUE DEIXAR SOBRE A TINTA IRAR DOBRAR EM MENOS DE UM SEGUNDO.
    ESSA TECNOLOGIA PODE SER USADA EM ROUPA.
    O NOME MAQUINA DE GRAFITE PORQUE O GRAFITE SE CONCENTRA MAIS ENERGIA ENQUANTO A TINTA DA CANETA E LIQUIDA E SE ESPALHA.
    E UMA MAQUINA DO TEMPO VOCE CONTROLA O TEMPO PORQUE O TEMPO NO RELOGIO NAO VAI PASSAR SE ESTIVER PERTO DA MAQUINA DE GRAFITE E O CORPO VAI PARA O FUTURO.

  19. O quê cê fumou meu velho?